Hoje apertei o pescoço ao gato

segunda-feira, novembro 15, 2010


Ah, pois apertei.

Que venha a APDGPA (Associação para a Defesa dos Gatos de Pescoço Apertado) cá ralhar comigo, que eu mando-os dar uma curva.

Estava eu a dormir os meus últimos minutos do sono dos justos, quando oiço o Aramis a derrubar coisas e a correr pela casa que nem um doido.
Não liguei.

Até que oiço um pi pi pi pi pi muito aflito.

Ai Senhores.

Nunca eu me levantei tão depressa da cama!

O local do crime foi aqui, no meu escritório.

Havia penas pelo chão, e só tive tempo de dar um grito e apertar as goelas ao gato.

Vejam só esta riqueza. Cuspido da boca do gato.
Sobreviveu sem um arranhão, o sortudo!

Deve ter entrado pela chaminé.

Até a dormir me aparecem pássaros em apuros.
É o meu destino.

Este passarinho é um Chapim Azul.

Hoje vai passar o dia comigo - vou estar com a porta do escritório fechada, claro - mas amanhã, devolvo-o aos céus.

[UPDATE às 14:16: Decidi não esperar mais.
E não me apegar... Acabei agora de libertá-lo.
Boa Sorte, amiguito!]

Dom Gato está zangado comigo. Danado.
Despeitado, furibundo, mordido por uma barata.

Acho que o ouvi miar:
"Pelo menos, apertavas-me o pescoço depois de o ter engolido".

Querias tu!
ahahahahah

Poderá também gostar

37 COMENTÁRIOS

  1. Safou se de boa!!!

    Eheh Tadinho!

    Mas ainda teve fôlego para chamar por ti... eh eh

    Beijos

    ResponderEliminar
  2. Ai Hazel, acontece-te cada uma que só visto!

    Tadinho do Aramis, ele é um gatinho e não dá para fujir aos instintos felinos da caça!!

    O Sr passarinho é quem deveria ter mais atenção!!

    É um pássaro lindo e olha onde se foi meter, será que está doentinho? Tadinho dos bichinhos né? A vida também não é fácil para eles.

    Beijinho grande minha querida e bom início de semana (aliás, já começa cheio de aventuras, hehehe)

    ResponderEliminar
  3. É mesmo teu destino!
    Pobre Aramis! hihihi

    Não imagino de que espécie é *(

    Hazel nossa heroína *))

    *________+

    ResponderEliminar
  4. Hehe, bem feito para o gato. Agora já nem se contentam com as latinhas de "Dourada com molho de vieiras", hem?

    Uma vez também me entrou um passarito pela chaminé, um pardalito, num dia muito ventoso (desequilibrou-se com certeza).
    Para o apanhar andei meio dia,e não consegui, até que abri a janela e ele foi sozinho. Estava a chover, fiquei com pena dele, mas estava impecável, não parecia nada magoado, antes pelo contrário!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Tu és demais !

    LALITA

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. faria exactamente igual
    na boa...
    Jinhos fofos

    ResponderEliminar
  7. eita...este nasceu de novo hein.
    O gato deve ter ficado fulo...hehe
    Beijo,

    Andreia
    http://universoemcores.blogspot.com

    ResponderEliminar
  8. Que sorte ter entrado em tua casa e não noutra!!! Tb já me aconteceu, não com a Luna mas com a Cocas, tb apanhou um pardalito e acordei com o piar aflito dele, abri-lhe a boca como se faz aos crocodilos! Nunca imaginei foi que um bicho tão pequeno tivesse tanta força nas mandibulas!!! O meu saiu disparado por onde entrou, numca mais o vmos!
    Ele é lindo!!!

    ResponderEliminar
  9. Oi Hazel!!!Ri muito...me desculpe,mas o mesmo já aconteceu comigo...também apertei o pescoço de uma gata que tive quando ela me apareceu com um pardal na boca,e felizmente ele também sobreviveu...dei-lhe até comida e ele comeu,depois o soltei rsrsrs
    Amo pessoas de bom coração!!!beijos

    ResponderEliminar
  10. Um acordar muito violento...mas fico contente que esse passarinho tão lindo tenha encontrado de novo a liberdade. Quanto ao aramis, ele amua mas passa-lhe.Não te esqueças é de lhe dar de comer senão o pobre só faz desgraceiras.....hehehe
    Beijos

    ResponderEliminar
  11. Que sorte a do chapim :-D
    Cá por casa já nos aconteceu o mesmo com um pardal. Nos últimos tempos tem sido com ratos ;-) hehehehe

    ResponderEliminar
  12. É o instinto animal...mas eu também fico podre quando o Tico tenta apanhar algum pássaro! Acho que ainda não foi bem sudecido, mas o Tobias sim, cheguei a tirar-lhe alguns das garras!
    E ratos?! Arghhh...trazio-os para a porta de casa, meios-mortos de estar a "brincar" com eles!
    É a lei do mais forte.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  13. Olá Hazel,
    O chapim azul, é um pássaro que apenas aparece de Inverno, pelo menos na nossa Peninsula Ibérica.
    Tive um gato em tempos, Caio era o seu nome que até coelhos trazia para me presentear. Como disse a Fernanda, o instinto selvagem ficará sempre marcado em qualquer animal doméstico, que poderá manifestar-se mais ou menos conforme a personalidade do animal.Hoje vem mais uma gatinha para a minha casa, ainda não pensei no nome....Talvez Angel :)
    Beijinhos
    Sónia

    ResponderEliminar
  14. Amiga, tenho três gatinhos sapecas, devo lhe dizer que aqui em casa já salvei alguns pardais também e um beija-flor, teve uma vez que cheguei tirar um literalmente da goela do meu gatão preto, o bicho saiu voando...

    Terriveis gatinhos!
    Ingênuos passarinhos...rs

    parabéns pelo blog.
    Beijinhos Rosana.

    ResponderEliminar
  15. Que lindo passarinho :) ... e sortudo :)

    Aqui tb já me entraram pássaros. Alguns desceram pela chaminé.
    Antes de termos o recuperador tinham entrada directa, mas depois compramos, e... ficavam a espernear dentro da lareira e se eu não desse por isso a tempo, aleijavam-se.... tive de por rede na saída da chaminé (em cima), na rua, contrariando as instruções de quem nos vendeu o recuperador.

    Agora se entra algum é por alguma janela aberta...

    O ultimo... estava ele dentro de casa e a esposa na rua a trazer-lhe comida!! Devia pensar que eu tinha a despensa vazia... hehe. Depois foi só abrir 2 ou 3 janelas e voaram felizes para sempre!

    ResponderEliminar
  16. Uma vez tive que fazer o mesmo com o meu Branco, mas o jeito foi prendê-lo no quarto para poder acudir o pobre passarinho. Da segunda vez só encontrei as penas do pobrezinho. É a vida!
    ;)

    ResponderEliminar
  17. O ego felino do sr. Aramis deve ter ficado mesmo muito abalado (hi hi), mas por uma boa e bonita causa. Que passarinho tão lindo!!!

    Só mesmo numa casinha de fadinha para entrar uma ternura dessas.


    Beijinhos para a grande salvadora das aves.

    ResponderEliminar
  18. Ehehehehe Hazel além de salvadora das plantas também salvadora dos pássaros
    Beijos de sol para nossa heroína

    ResponderEliminar
  19. Quem sabe o ARAMIS não está precisando dar umas voltinhas na
    NATUREZA e comer alguma proteína
    animal in natura? Afinal, nada mais NATURAL para ele do que caçar
    o seu alimento...
    LIBERDADE, VIDA e PAZ AOS ANIMAIS!!!

    ResponderEliminar
  20. Estou em defeza do passarinho.... são a minha paixão!
    abraços!!!

    ResponderEliminar
  21. Pois acho que ele mereceu o apertaozinho! O gato que eu tinha fez o mesmo, eu só nao lhe apertei o pescoco porque ele correu mais depressa!!

    Pode ser a lei da Natureza, mas eu nao sou capaz de nao intervir. Às vezes penso como é que há profissionais com "coragem" para filmar ou fotografar a vida animal - por ex., para o National Geographic - assistindo aparentemente impávidos a cenas parecidas, mas à escala maior...

    Se calhar sou eu que sou muito softy ;-)


    Bjs

    ResponderEliminar
  22. Hahahaha!
    Afinal não só eu que tenho aventuras malucas com animais...
    Mariana

    ResponderEliminar
  23. Hazel,
    o gato Maru:
    http://www.youtube.com/watch?v=z_AbfPXTKms&feature=player_embedded

    :))
    Mariana

    ResponderEliminar
  24. Hazel, uma vez tirei, vivinha, uma codorna de dentro da boca do meu cão fila brasileiro! Mas não contei esta história pra ninguém, nem sei se teria o talento de contá-la com tanta graça quanto você. Ainda bem que aconteceu em sua casa, tem gente que deixaria o gato à vontade para matar o passarinho!

    ResponderEliminar
  25. Já que estamos falando em pássaros,
    gostaria de lhe pedir licença e através do seu espaço mandar um recado para SERES TRISTES/INCONSCIENTES que prendem um pássaro ( eu disse um P Á S S A-
    R O ) numa gaiola; privando-o de sua maior alegria,que é VOAR; IMPEDINDO-O DE VIVER NA PLENITUDE SUA VIDA DE PÁSSARO!!!!
    CHEGA DAQUELE VELHO DISCURSO:
    "...não posso soltar este pássaro,
    porque se não ele morre..."
    Ora bolas, isto é uma blasfêmia!!!!
    Os animais, muito mais do que nós humanos, têm uma enorme capacidade de se adaptar à NATUREZA!
    Além do mais, de que vale "viver"
    PRESO?!
    LIBERDADE, VIDA E PAZ AOS ANIMAIS!

    ResponderEliminar
  26. Obrigada por esse espaço tão acolhedor! Conheci há uns trÊs dias e fico agradecida por compartilhar toda a sua magia... me fez bem e foi num momento provisório. um beijo cheio de afeto!
    :)

    ResponderEliminar
  27. Anónimo:

    Caro Anónimo, muito obrigada pela sua participação. Concordo plenamente!

    Os momentos mais emocionantes da minha vida foram justamente aqueles em que abri as minhas mãos e devolvi aos céus pássaros que salvei (este não foi o primeiro).

    Um beijo

    ResponderEliminar
  28. Que passarinho tão lindo!

    Também já tive de apertar o pescoço do gato da minha mãe, quando era mais novo e menos obeso, adorava caçar os pardais!

    Uma vez apertei-lhe o pescoço e saíram 2 pardais!!!

    Um voo logo, o outro não resistiu :( estava muito apertado na boca dele :(

    Bjs

    ResponderEliminar
  29. Oi flor!
    Mas eis que esta Fada Hazel é solicitada demais!!! rsrsrs
    Querida, que bom que vc conseguiu salvar o pequenino! Que coisinha mais preciosa esse passarinho...uiui que fofinho!
    Agora seu gatinhoooo hahaha é um lindooooooooo mas bem gato mesmo não?! hahaha Danadinho, não pode não pode! Amigos Amigos. rs
    Beijinhos flor linda.

    Flores e Luz.

    ResponderEliminar
  30. XD

    Hazel Amiga dos Passaros e animais!
    Bem,é um belo passaro!
    Que agora voa feliz! "Dom Gatão" deve ter ficado zangado mesmo!

    Abraços

    ResponderEliminar
  31. Ola!
    Hahaha, salva um e quase mata o outro, imagino como deve ter sido difícil, ainda bem que o passaro não estava no estômago rs, seria cômico se não fosse trágico.
    Mas são instintos desses felinos danados!
    Bjs!
    Ser Estranho Ser!

    ResponderEliminar
  32. Que sorte do Piu Piu , ser salvo num momento tão crucial ...

    Dom gato que vá comer ração ... é mais saudavel , pelo menos ninguem vai aperto-lo pelo pescoço...rss

    bjs

    ResponderEliminar
  33. Que lindo pássaro... Mais uma vida salva! Parabéns Hazel!!!
    Agora faz as pazes cm o Aramis, sim? ;)
    Beijinho

    ResponderEliminar
  34. Ai, coitado do senhor pássaro.. e é tão bonito... Mas ainda bem que tudo acabou bem :) A minha gata mais velha também fazia destas coisas, mas era com osgas que ia buscar ao telhado :S

    ResponderEliminar
  35. Lá em casa é minha chow chow que não dá sossego pros pássaros (bem que me falaram q minha cachorra tem alma de gato, rss..rss)... já tive que salvar algumas pombinhas das patas dela....
    mas e aí, o passarinho foi embora e não voltou mais???

    ResponderEliminar
  36. My God!!! Quantos pássaros vc já salvou, minha amiga heroína das aves?
    Fico admirado!!!

    E o gato lhe perdoará rápido, se é que já não o fez! :)
    bjossssss

    ResponderEliminar