A todos os que me escrevem

domingo, setembro 02, 2012

São cada vez mais as pessoas que me escrevem pedindo ajuda e aconselhamento para todo o tipo de situações. Muitas vezes, levo mais de uma semana até conseguir reunir tempo para ler atentamente todas as mensagens, por vezes bastante extensas, e responder. Enquanto não o faço, ando com uma sensação de "peso", porque sei que estão a aguardar.

Nos dias em que me ocupo disso, abro o email e as mensagens privadas do facebook, e não faço mais nada senão responder individualmente a cada pessoa.

É um trabalho de entrega que tenho feito nos últimos 4 anos, que foi crescendo e atingiu um ponto que se tornou insuportável para mim. Não só pelo tempo e dedicação que exige, como também pela sensação de estar sempre em falta para com alguém, e de andar sempre a correr para apagar fogos, sem depois receber, tantas vezes, um simples "grato".
Muitas pessoas confundem aquilo que se faz por amor com uma obrigação. E abusam.

Assim, decidi permitir-me a mim mesma gerir melhor o meu tempo, de maneira a poder prestar um melhor serviço a quem me procura, seja nas consultas presenciais ou online.

Todos os emails e mensagens com pedidos de ajuda/aconselhamento serão remetidos para este post, onde aconselho a marcar uma consulta de Tarot ou de Reiki (consoante a situação) comigo, em que terão toda a minha atenção e dedicação.

Saiba mais sobre as consultas de Tarot (presenciais e à distância).
Saiba mais sobre as consultas de Reiki.

[Nota: O envio de Reiki à distância, continua, claro, a ser gratuito.]

Grata pela vossa compreensão.

Beijos mágicos,


Hazel

PODERÁ TAMBÉM GOSTAR DE LER

8 COMENTÁRIOS

  1. Isso mesmo querida Hazel, apoio sua decisão, espero que a leve adiante, pois você merece cuidar mais de você do que dos outros, gente que muitas vezes como você mesma disse não tem coragem de ao menos agradecer.

    E o meu lado egoísta deseja que com isso eu veja mais postagens no blog...rs rs rs Amo muito esse seu cantinho! Obrigada por comparilhar um pouquinho de você aqui.

    ResponderEliminar
  2. Querida amiga sempre fui muito grata a você.Nunca pedi aconselhamento, mas você me ajudou tão prontamente quando comecei com o meu blog.Você é uma pessoa muito especial e tem um cantinho no meu coração.Cuide-se e seja feliz.Beijos e uma boa semana.

    ResponderEliminar

  3. Apoio a decisão e espero que encontres mais tempo para ti. Uma boa semana.Bj

    ResponderEliminar
  4. Saudaçoes Pernambucanas

    Que mal-criação, kkkkkk.
    Concordo que com essa decisão vai ter tempo pra postar mais no blog.

    Gosto muito quando ouço musicas brasileiras na playlist, especialmente as de Nara Leão e Maria Betânia.

    grande beijo, fique em paz.

    ResponderEliminar
  5. Olá Hazel. Admiro-a mesmo muito e ao seu reflexo que é o seu blog. Tenho me questionado muito acerca dos animais e do seu direito perante os seres pensantes - até coloquei um post sobre isso em que se levantam algumas questões.
    Bem, gostava de saber um pouco a sua opinião e sua posição acerca da alimentação de carne quanto pagã. Pergunto por curiosidade e principalmente por uma forma de crescimento pessoal na qual possa refletir sobre vários pontos de vista.
    Agradeço muito a resposta.
    Um beijo e abraços,
    Rosicler

    ResponderEliminar
  6. Olá Hazel!
    Entendo perfeitamente o que dizes, muitas das vezes somos bombardeados pelos problemas dos outros sem se dignarem primeiro a perguntar "Como estás?". A nossa disposição não é sempre igual e por vezes chega a ser extremamente cansativo. Eu tenho o grave problema de não saber dizer "não" e acabo por me sentir esgotada no final a tentar chegar a toda a gente.
    Acho que ninguém vai levar a mal a tua decisão. Eu propria já beneficiei bastante da tua ajuda e a isso te agradeço bastante mesmo quando não esperava, quando apenas tinha feito um desabafo geral numa altura que me sentia mais em baixo.
    Sei que gostamos de ajudar, mas às vezes abusam dessa boa vontade e sugam-nos completamente. Por vezes é como me sinto. Há apenas que encontrar o equilibrio e pedir o bom senso e compreensão de todos, por vezes também precisamos de um bocadinho para nós.
    Acho que todos vão compreender. Bjs e boa sorte ;)

    (já agora sou a Vânia e este é o nome do meu blog, para não ficares confusa)

    ResponderEliminar
  7. Oi Hazel, há quanto tempo! Gostei muito do seu desabafo! Chamamos isto de fadiga da compaixão. Não. Você ficou sem compaixão, continuas a mesma, cada dia mais forte. Mas tudo na vida tem limites! E é preciso coloca-lo quando está em falta!

    Bençãos de Luz!

    ResponderEliminar

Obrigada pelo seu comentário ♥