Espadas-de-São-Jorge

quarta-feira, março 18, 2009

Diz a lenda que São Jorge, um santo cristão que "enfrentava o mal", matou um terrível dragão com sua espada.

Eis a origem do nome da Espada-de-São-Jorge, que tem uma poderosa capacidade para proteger, purificar, e cortar inveja e mau-olhado.

Independentemente disso, acho-a uma bela planta (mas haverá alguma de que eu não goste?), e sempre desejei ter um exemplar. Agora tenho dois, ambos vindos do lixus.

Há sempre espaço para mais um vasinho...

Não está linda a minha espada? Mas não pensem que ela vinha assim. Está radiosa, porque se sentiu estimada e bem tratada.

Agora vou mostrar como ela veio, para verem como não existem plantas feias; existem, sim, plantas maltratadas e desrespeitadas (sim, elas são um ser vivo, e merecem respeito).

Vinha desolada, com as raízes enfiadas num saco de plástico, muitas folhas com as pontas secas...

As plantas produzem oxigénio, sem o qual não viveríamos - sim, isto é uma informação básica - mas porque será que as pessoas se esquecem disso, com a facilidade com que as deitam para o lixo?

E aqui está o recanto onde ela vive agora, feliz da vida.
Acham que invento, quando digo que está feliz? Pois saibam que não...

Para além da capacidade de renovar o ar, as plantas, quando bem tratadas, trabalham a nosso favor; protegem a nossa casa e a nossa família; absorvem as energias negativas; purificam os ambientes.
São como um exército silencioso, porém constante, que nos cerca e cuida de nós.

Já para nem falar nos seus Elementais...

Poderá também gostar

44 COMENTÁRIOS

  1. Hazel,
    a espada de Sâo Jorge é uma das minhas preferidas...acho interesantíssima sua textura lisa, dua firmeza, os tons de verde, às vezes com algum amarelo...
    Sim, as plantas são seres vivos e como nós merecem ser bem tratadas. Elas nos retibuem com oxigênio e beleza...
    E quanto mais plantas, mais oxigênio e mais beleza.
    O Consorte nunca dirá não para isto.
    Beijoca

    ResponderEliminar
  2. Olá Hazel!
    Que lindas plantas que tem no seu cantinho!
    Bjs

    ResponderEliminar
  3. HAZEL...
    Gosto muito de espadas também, além de ser uma planta que permanece sempre verdinha e com boa aparencia (quando bem tratada é claro)ainda tem lá seus poderes mágicos.
    Bjoss perfumados!!!

    ResponderEliminar
  4. Hazel, buen día♥
    No tenía idea que esa planta se llamaba "Espada de San Jorge"!! Es una planta muy antigua y ahora (acá en Argentina) se puso nuevamente de moda (sí, acá tenemos hasta moda para las plantas!!)
    Tenés preciosas tus plantas de interior amiga, me encantaron!!
    Un beso y buen miércoles♥

    ResponderEliminar
  5. Seu cantinho está lindo com todas essas plantinhas bem cuidadas.
    Beijo:)

    ResponderEliminar
  6. Lindas as suas plantas Hazes, gostei mesmo. Tenho vontade também de ter uma planta dessas e vou providenciar um vaso logo logo.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  7. Un gusto!
    También me encantan las plantas y tengo muchas.
    Esa planta aquí, Argentina, se la conoce como lengua de suegra o sansevieria. Es muy fácil de cultivar, siempre está verde y en invierno no se debe regar y se adapta a cualquier lugar sea al sol o sombra. Se reproducen por esquejes. No sabía que por tener forma de espada tenía ese nombre pero me parece muy acertado.
    Bellísimas plantas!!
    saludos desde Argentina
    Ramona

    ResponderEliminar
  8. Oi Amiga, o teu cantinho das plantas está lindo!! Afinal também é um belo matagal :)!! Quando citaste o teu Consorte, parecia que estava a ouvir o meu! Looolll! Mas o meu já desistiu disso porque perdeu o direito de "piar" perante o excesso de plantas no dia em que semeou 143 pinheiros na varanda e todos germinaram... hehe... não sei se consegues imaginar :). Felizmente conseguimos arranjar novos donos para a maioria e hoje em dia já vivem em local apropriado.

    Quanto às Espadas de S. Jorge, elas também são conhecidas como Línguas-da-sogra (vá-se lá saber porquê...)...

    A lenda de S. Jorge a matar o dragão tem muito que se lhe diga. Na verdade, o dragão representa o antigo Paganismo que a Igreja Católica tentava combater e exterminar. Ao que parece, S. Jorge nunca chegou a combater dragões. Era, isso sim, eficial do exército romano, militar de sucesso e foi promovido pelo Imperador Deocleciano a Conde de Capadócia. A sua fé, porém, era o Cristianismo e quando isso chocou com os interesses imperiais, Jorge foi preso, torturado e decapitado, tornando-se assim um mártir cristão e sendo canonizado pelo papa Gelásio I, em 494 d.C.

    O dragão entrou nesta história já depois de Jorge estar morto e de ser santo. Reza a lenda que um dia S. Jorge lutou pela libertação da cidade pagã de Silene (onde é hoje a Líbia) pois o povo ali vivia atormentado por um dragão que se alimentava diariamente com uma pessoa. O Dragão representa o Mal da dualidade judaico-cristã, o Diabo, ou seja, as Trevas, o Paganismo. S. Jorge, com a sua lendária coragem, matou o Dragão, libertando aquele povo do seu opressor e convertendo-o ao Cristianismo.

    ResponderEliminar
  9. Lindo este espaço das suas plantas Hazel!
    Tb adoro espada de São Jorge...tenho 2 vasos. Tenho tb 1 com a lança de São Jorge. Gosto muito delas, pois se multiplicam rápido, ficam lindas nos vasos, e não exigem muitos cuidados de nós...
    Bjos

    ResponderEliminar
  10. Oi Hazel :)
    K cantinho tão lindo , das tuas plantas!!!
    Não tenho essa planta, nem nunca tinha pensado nelas!!!
    Mas agora que ando nesta fase em descoberta da Natureza (nunca é tarde) :))
    talvez arranje uma para me proteger a porta!!!
    Já agora, lindos os teus brinquinhos :) pelo menos metade eu usaria :))) lindos!!!
    Beijinhux

    ResponderEliminar
  11. As suas estão lindas e bem tratadas, adoro essa planta, sempre tenho em casa.

    “...Eu andarei vestido e armado com as armas de São Jorge.
    Para que meus inimigos, tendo pés, não me alcancem, tendo mãos, não me peguem, tendo olhos não me enxerguem, e nem pensamentos eles possam ter para me fazer o mal”.
    Salve Salve Jorge!

    Dizem também que a espada de São Jorge ela é conhecida por trazer felicidade e fartura a quem a cultiva – Obrigada por compartilhar!

    ResponderEliminar
  12. oiee visite meu blog..
    liviabarbareso.blogspot.com
    bjosssss

    ResponderEliminar
  13. Hazel, linda tuas Espadas de São Jorge. Sabias que elas são suculentas tb, da familia das sansevierias trifasciata? Pois são, eu não sabia até começar a pesquisar os nomes das suculentas que tenho. O meu vaso de espadas de São Jorge, tb são do lixus, hehhehhe. E foi minha filha quem pegou. e estão crescendo a cada dia e ficando lindas tb. bjs Leila

    ResponderEliminar
  14. Oi querida! Preciso de umas dicas da fada que salva plantinhas...
    Tenho uma samabaia da qual envergonho-me dizer que descuidei um bocado, e está agora com poucas folhas várias delas ressacadas...
    Como recupera-la??
    Sou sua visitante/leitora assídua.
    Obrigada. Aline, Chapecó-SC, Brasil.

    aline_mees@yahoo.com.br

    ResponderEliminar
  15. Amo espada de São Jorge, acho que toda casa deve ter.
    A sua está maravilhosa, parabéns.
    Agora estou louca para ter em casa a lança de São Jorge, que é maravilhosa também.
    beijo grande

    ResponderEliminar
  16. Hazel, querida, sabe que não tenho a espada-de-São Jorge? Preciso arrumar uma, rapidinho.
    Aqui no Brasil, o sincretismo das religiões africanas e cristã criaram nomes estranhos para muitas coisas: quando essa planta tem uma borda verde escura, ela chama-se espada-de-Santa Bárbara. Sabia?
    Bjs

    ResponderEliminar
  17. oi Hazel!
    que lindo está seu canto de plantas!
    me inspirou para um cantinho que estava esquecido em minha casa!

    grande beijo!

    ResponderEliminar
  18. Delicioso o seu cantinho verde !
    Fica na sala ?
    O mestre Roberto Burle Marx, o maior paisagista brasileiro, dizia que não existem plantas feias, e sim, mal agrupadas.
    Concordo.
    Beijo

    ResponderEliminar
  19. Lindo cantinho. Eu gosto muito de plantas, mas as minhas gatas tambem, tanto que até as comem...
    Um bom dia
    Helena

    ResponderEliminar
  20. Não conhecia essa planta, mas para ser sincera, só recentemente me comecei a interessar por plantas que não dão flor. Achava o verde muito monótono, e preferia as plantas coloridas.
    Concordo contigo, Hazel, as plantas ajudam-nos imenso; quando trouxe um aloé vera cá para casa algumas folhinhas ficaram secas e negras muito rapidamente e eu entendi que estavam a "sugar" a energia negativa, a fazer a limpeza. Depois disso estabilizou.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  21. Lindo seu jardim!
    Também gosto de plantas e tenho mão boa, tudo que planto dá.

    Beijins:*

    ResponderEliminar
  22. Nada que ver com o teu post, que eu de verduras pouco percebo, só para te dizer que cai de rabo com a tua musica de fundo, grande Vangelis, grande Ridley, grande filme, não é preciso ser complicado para se ter bom gosto, parabéns. Olha agora o Brian Ferry, vou ficar mais um bocadinho a ouvir musica.

    ResponderEliminar
  23. lindo seu vaso ,só que eu não teria de jeito nenhum em casa , questão de trauma , minha avó usava dessas ai pra nós bater qdo faziamos traquinagem
    bjk

    ResponderEliminar
  24. Adoro a tua "cascata" de plantas!!!!
    Beijinhos para a salvadora da Natureza! ;)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  25. São lindas suas plantas. Parece que o consorte não tem muita chance quando o assunto é decoração (rsrsrs). Um beijão.

    ResponderEliminar
  26. que canto mais lindo viu. e esse bau ai tambem, muito lindo...
    beijos

    ResponderEliminar
  27. Hazel, tens prémio em:
    http://analuciana.blogspot.com/2009/03/1-premio.html

    Gostei dessa característica protectora da planta, este fim de semana vou ver se arranjo uma.

    ResponderEliminar
  28. Olá, Hazel...
    Adorei seu cantinho de plantas. Ñ tenho muito geito, mas tô tentando!!!
    Plantei a poucos dias algumas " espadas-de-São-Jorge " no jardim e irei preparar um jarro pra dentro da casa e vou caprichar!!! Adorei teus jarros também.
    Bjos...

    ResponderEliminar
  29. Querida Hazel,
    Que lindas plantas tem.
    Peço desculpa de só responder agora em relação á lexivia que utilizei para lavar os tectos.
    O produto custa 1.45 euros é baratinho e são garrafas de 2 lt.
    Na minha casa deu resultado e também tinha a tecto da casa de banho bastante preto. Lavei em Fevereiro e até agora ainda não se avista humidade.
    Exprimente.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  30. Linda mesmo!!vc sabe que nesse dia foi uma coisa de louco....rs.....eu acordei e falei pra meu marido(está de férias)nossa! eu queria tanto uma espada de São jorge...rs...e ai liguei o pc,entrei nessa casinha amadinha,rs....e qual foi minha suprpresa?
    Sua espada de São Jorge...kkkkk....sai imediatamente e fui a procura,achei,comprei terra e um vaso lindo de terracota,e cá está ela......lindinha de viver....rs..rs....
    muitos beijinhos....P.S- estava lendo um dia antes um livro de Arcanjo Miguel(amo de paixão)e tinha uma passagem que dizia que ele se assemelha muito a São Jorge e etc...

    ResponderEliminar
  31. Há algum tempo também encontrei espadas-de-são-jorge no lixo e as trouxe para casa. Agora estão bem felizes na frente de minha casa, perto do portão de entrada. No Brasil, quem quer ter boa sorte e proteção para sua casa, certamente tem essas plantas em casa.

    ResponderEliminar
  32. OI!!
    Pesquisando sobre a Espada de São Jorge cheguei até aqui. As primeiras mudas que encontrarei jogadas na rua,trouxe para minha casa. Desde então passeia conhecer melhor esta planta que adoro. Fiquei surpresa pois após alguns anos ela deu flor. Lindas flores brancas, lindíssimas. Uma penca. E o cheirinho maravilhoso que elas exalam. Delícia aos olhos, ao olfato. Tudo lindo neste exemplar da natureza.
    Abraços
    CIRA

    ResponderEliminar
  33. Ola.
    Sou Paulo de Portugal
    Gostava de Saber como posso ter uma Planta da espada de Sao Jorge.
    O Meu Mail: Myscaramoche@gmail.com

    ResponderEliminar
  34. Oi, Hazel! Adorei seu vaso de espadas de são jorge, está lindo! Como você fez para recuperá-lo? Me mudei para uma nova casa que tem essa planta no jardim, mas está tão judiada... é verdade que se cortarmos as laterais das folhas mantendo o formato em "V" elas crescem mais depressa? Parabéns pelo jardim! Felizes são aqueles que conseguem enxergar a natureza!

    ResponderEliminar
  35. Erica:

    Não fiz muito. Coloquei as espadas neste vaso, com terra, e rego de vez em quando.

    Cortei as que estavam com pior aspecto, e deixei as restantes crescerem livremente.

    Não cortei as laterais das folhas, só as que estavam secas. E não sei se essa técnica de cortar funciona. De qualquer das formas, se as plantas estão verdes, não há motivo para cortá-las.

    As espadas-de-São-Jorge não são muito exigentes.

    Grata pelo comentário!

    ResponderEliminar
  36. ontem sucedeu precisamente o mesmo comigo , qd fui por o lixo no contentor

    por isso queria linkar seu blog, não copiar

    ResponderEliminar
  37. Olá minha linda,

    Eu amo passar por aqui,me faz bem! Beijos.

    ResponderEliminar
  38. Adorei seu blog, sempre entro e leio algo, gosto das fotos e também amo plantas ... deixe-me perguntar, é portuguesa? Sou descendente direta de portugueses e percebo no modo de falr um que de portugues.
    Beijos e lindo blog...adoro!!!

    ResponderEliminar
  39. Cássia Barreto:

    Sou portuguesa, sim! :))
    Obrigada pelas palavras de apreço.

    beijos!

    ResponderEliminar
  40. Olá Hazel,
    eu sempre acompanho suas leves palavras, que parecem sopradas pelo vento até o Brasil, mas não sou muito de comentáios. Coisa minha mesmo, não sou muito de exercitar a escrita.
    Mas uma coisa muito me chamou a atenção neste post: você frequentemente encontra plantas no lixus, e isso é interessante perceber, pois aqui na cidade Grande onde vivo não se vêem mais plantas, nem no lixus, nem em canteiros nas ruas...só restam algumas árvores empoeiradas na rua, com aspecto de "sem terra", deslocadas e chateadas, tadinhas. Também sou muito afeiçoada às plantas, embora frequentemente esqueça de rega-las (vergonha), defeito este que tento resolver, mas sempre esqueço. (Mas não pense vc que ela morrem de sede, pois há sempre alguem em casa que se lembre).
    Mas é isso que eu queria relatar: não vejo mais plantas na minha cidade, e não há onde planta-las, pois tudo virou asfalto pelo meu bairro...

    abraços asfaltados,
    Marina - Salvador - Bahia - Brasil.

    ResponderEliminar
  41. TENHO A ESPADA DE SÃO JORGE, QUERO Q. ELA FIQUE FORA DA PORTA, MAS, ELA MORREI AOS POUCOS, ENTÃO TRAGO-A P/ DENTRO DE CASA, ELA CRECEM QUE É BELEZA. MORO EM APTO. SERÁ Q. É ISSO. SÓ SEI Q. SÓ SOBREVIVI DENTRO DO MEU PEQUENO APORTAMENTO E SÓ. PORQUE ???OBRIGADA. RITA

    ResponderEliminar
  42. olá Hazel,

    também tenho uma dessas plantas e o mais incrível é que este ano deu 3 flores, nunca vi esta planta dar flor, por isso a minha admiração(e já perguntei num horto se é normal, mas ninguém tem conhecimento. Espero que a sua também dê flor.

    ResponderEliminar
  43. Querida Hazel,
    Hj por algum motivo, voltei a este Post (um levou-me a outro....) :)
    Tb tenho Espada de Sao Jorge, uma resgatada de um contentor de lixo e outra que estava triste num sitio e eu trouxe...mas as minhas estão na mini-varanda...
    Mas o que me chamou a atenção foi o facto de a teres achado com raiz dentro de um saco plastico...eu nao consigo fazer isso...outro dia precisei desfazer me de uma planta e acabei por ir replantá-la num sitio publico (Cais do Sodre, num dos bancos das Oliveiras) E la está ela :)

    Beijinho Hazel e bem hajas

    ResponderEliminar