16/06/2011

Dia 167

Quem passa por esta porta entra no baile do impossível. Há vestidos de teia de aranha, perfume de arrepios, velas de pernas para o ar e música que acompanha o uivo dos lobos.
O chão tem lajes de vertigem e as paredes são cortinas de fumo.
Vamos dançar?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...