Manual de Sobrevivência ao Dia dos Namorados | para Solteiros

quinta-feira, fevereiro 14, 2019


Jovem! Se te estás a sentir um desgraçadinho, um miserável encalhado, um cachorrinho abandonado, isto é para ti.

Hoje é Dia dos Namorados e o mundo está dividido num Tratado de Tordesilhas Valentiniano que separa casais românticos-doces-e-indutores-de-diabetes, apaixonados, amantizados e enamorados mete-nojo; dos solteiros, mal-amados, abandonados, separados, divorciados, viúvos, celibatários e chupadores do limão-que-é-a-realidade.

Estás no lado mais incompreendido do Tratado de Tordesilhas Valentiniano e não sabes o que fazer, apesar de não quereres dar parte de fraco. Ora segue o Manual:

1. Estou encalhado. Coitadinho de mim.
Falso. Estar solteiro não é sinónimo de estar encalhado. Encalhado é estar numa relação onde não és amado e respeitado. Estás, sim, livre para todas as possibilidades. Quem sabe um destes dias não saltas para o outro lado da Linha de Tordesilhas Valentiniana e passas a ser mais um enamorado mete-nojo. Todos os caminhos estão em aberto. Estás, por isso, tudo menos encalhado.

2. Todos estão a receber presentes menos eu. 
Não precisas de ninguém para receber presentes, para ir jantar fora, para passar uma noite romântica. Faz tu isso! Por ti.

3. O que fazer no Dia dos Namorados, estando sozinho?
O que te apetecer. Tu podes tudo e não precisas de alguém a agarrar-te pela mão para achares que és capaz. Em todo o caso, aqui tens um roteiro seguro, se receias ficar deprimido:

Vais fugir de ver filmes românticos hoje. O melhor mesmo é não ligar a televisão (aliás, quem é que precisa realmente de uma televisão?).

Locais a evitar: floristas, lojas de lingerie, sex shops, restaurantes, cinemas e praias à hora do pôr-do Sol.

Locais seguros: oficina, dentista, registo civil, segurança social, banco, lavandaria, ginásio. É uma boa ocasião para resolver assuntos pendentes! Pesquisas realizadas em laboratórios-independentes-do-amor indicam que a probabilidade de encontrar alguém solteiro são maiores nestes locais, neste dia em particular. Quem sabe se o amor da tua vida não está mesmo à tua frente aí na lavandaria.

4. Este Manual não me está a ajudar, Hazel. Buááá!
Isso é porque não estás a querer colaborar e preferes ser um bebé chorão.
Criei um Kit de Emergência como medida de último recurso. Reúne todos os itens indicados abaixo que, em conjunto, são o equivalente a ter alguém que te ame (para além de ti):

✅ Kit de Emergência:
- Espuma de banho;
- Vinho e morangos;
- Boa música;
- Meias quentes (não precisas de ninguém para te aquecer os pés frios!);
- Bons filmes (mas não românticos);
- Cobertores extra na cama;
- Pizza;
- Café.

5. Devo ir para o Tinder?
Tem juízo. Vais cair nas teias do Tinder no Dia dos Namorados, essa floresta de lobos esfaimados e capuchinhos vermelhos que-sabem-ao-que-vão? Hoje o Tinder transborda de fome e desespero. Reúne o Kit de Emergência, relê tudo o que escrevi e partilha com os teus amigos solteiros - nunca se sabe o que pode acontecer!

Directamente do banho de espuma,

Hazel

PODERÁ TAMBÉM GOSTAR DE LER

0 COMENTÁRIOS

Obrigada pelo seu comentário ♥