Yoga a horas indecentes e Templos que nos devoram

quarta-feira, fevereiro 19, 2020




A Índia está-se-me a entranhar de tal forma que, uma dorminhoca olímpica como eu acordou hoje às 6:30 da manhã voluntariamente, sem ser por causa de alguma catástrofe natural, para uma longa e íngreme caminhada em jejum até ao Centro de Yoga. Pela tromba de Ganesha, estou mesmo a falar a sério.

O professor que, afianço-vos, é o génio-da-lâmpada-mágica, sim, o próprio, deu-nos uma aula de uma hora e meia, e amanhã há mais. Com os picos dos Himalayas salpicados de neve à nossa volta, se há lá melhor motivação para madrugar.

Entretanto, os templos hindus e budistas são abundantes, exóticos e não páram de surpreender. Em boa verdade, podem mesmo devorar-nos. Ora vejam o vídeo:


No vídeo acima, um templo hindu, na foto abaixo um templo budista tibetano.


Sairei daqui uma madrugadora? Só Shiva sabe.

Alinhada e vitaminada,

Hazel 

PODERÁ TAMBÉM GOSTAR DE LER

0 COMENTÁRIOS

Obrigada pelo seu comentário ♥