Avançar para o conteúdo principal

O móvel que fala

Sou um móvel velho com uma história de que já ninguém se lembra.
Se calhar, servi para guardar loiça em alguma cozinha antiga... não sei.
Depois de uma vida inteira, fui deitado para o lixo.

Mas houve alguém que me viu, e se encantou pelas minhas gavetas pequeninas e pela minha simplicidade.

Meteram-me no porta-bagagens de um carro e lá fui para destino incerto.

Nesta foto, ainda estava triste e meio perdido na nova casa.

Então, fui muito bem limpo e pintaram-me os puxadores da gaveta de baixo de cor de ouro antigo. Ganhei outro ânimo.

Os outros puxadores foram tirados e, bem ao estilo Zé Carioca, enfiaram cordas* nos buracos com um nó por dentro e outro por fora.

Tenho os puxadores mais económicos e originais do mundo!

Eu cá gosto! Não sou um móvel vaidoso, e divirto-me com as coisas simples.

Como companhia, tenho várias plantas misteriosas que falam baixinho numa linguagem que só elas entendem. Nas minhas gavetas guardo botões, tecidos, fitas de seda, missangas, lápis-de-cor...

Estou feliz por ter uma nova vida!

Ouvi dizer que um dia destes ainda vou ser todo lixado e pintado de novo. Mal posso esperar! Que cor me ficará melhor?

*Trad. Brasil: cordas = barbante
Cronista, Viajante no Tempo, Terapeuta, Taróloga, Tradutora, Professora.

Comentários

  1. Com essas plantinhas a volta eu sugeria verde-pistacho...
    Essas cordinhas devem fazer as delicias do Riscas, não? rss...
    Se fosse a ti incrementava-as c/ umas missanguinhas multicloridas.
    Hazel,não qurendo abusar qual o nome da música 71?!
    Conheco-a, até porque já a postei algures em vídeo (faz tempo) mas estou incapaz de me lembrar do nome agora... e "preciso" dela!
    Beijo.

    ResponderEliminar
  2. Hazel, vc não existe!!!!!!! Adoro sua imaginação e seu jeitinho de escrever.

    Bjokas.

    Kátia
    tudodbomptocom.blogspot.com

    ResponderEliminar
  3. Marian:

    Boa! Verde pistachio soa-me bem!
    O Riscas ainda não reparou nas cordinhas. Dou-lhe muitas fitas e bolinhas para ele brincar e isso tem-no mantido entretido.

    Não é abuso nenhum. Eu coloquei números nas músicas justamente para o caso de alguém querer saber o nome de alguma, para que consiga identificá-la.
    A 71 chama-se "Pagan faery and nature spirit art".
    É das minhas favoritas.
    Bem... são todas!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Que gostoso achar uma coisa assim no lixo! Eu ficaria tão feliz em encontrar um móvel desses... Linda a história dele e espero vê-lo pintado.
    ;)

    ResponderEliminar
  5. Ahh, adorei o móvel, é tão bonitinho, delicado, uma pintura cairia bem mesmo. Concordo que o verde ficaria bom!

    beijoos

    ResponderEliminar
  6. Senhor móvel,
    Percebo que está feliz e sereno em seu novo lar.Imagino que deve ser gratificante se sentir útil e amado (e olha, que tem seres-humanos com a mesma história de vida sua que são desprezados por não serem mais uteis e elegantes, muito triste isso)mas no seu caso é bem diferente, encontrou quem te ame e enxergue a sua essencia.
    Gostei do senhor assim, na minha opinião o senhor deveria sugerir a sua dona Hazel, que o deixe continuar com essa cor clara...combina com suas amigas plantas.
    Beijos
    ***EDNA***

    ResponderEliminar
  7. Que delícia a leitura deste post!!!
    Só você mesmo, Hazel, não deixa passar nada. Não teve medo de levar cupins p casa? Não. O coração falou mais alto! Amo você, amiga! Esse armarinho deve estar mesmo muito faceiro. É bonito e ficará ainda mais lindo quando lixado e pintado.
    Bendita sejas!

    ResponderEliminar
  8. Reyel:

    Nem me lembrei que ele poderia ter cupins. Mas tive muita sorte - ele não tem! Ufffff...

    Obrigada pelo carinho

    ResponderEliminar
  9. Oi Hazel, lembra de mim? Desculpe o sumiço, sempre acompanho seu blog, mas está difícil comentar nos blogs como gostaria. Mas hoje, vendo este móvel, não poderia deixar de comentar! Vc sabe que adoro reformar móveis, e este é muito estiloso. Adorei as gavetinhas. E foi o Sr. Lixus quem te deu!? E realmente a história dele é linda. Vc é muito sensível e imaginativa! Se os móveis falassem com certeza falariam deste jeito! beijocas

    ResponderEliminar
  10. que legal a historinha, divertida.
    Eu adoro esse puxador de corda, alem de ser barato e simples, é melhor praa puxar, pelo menos pra mim.
    E sobre a cor, não sei se vc gosta, mas eu deixaria ele meio colorido.. uma patina verde e patina rosa avermelhado.. podia fazerr as gavetas coloridas e o restante de uma das cores dds gaaveetas, tudo na patina. fica interessante!

    beijos e ttudo de bom

    ResponderEliminar
  11. Fantástico!!! Eu ainda me ando a chorar porque no outro dia vi um movel no lixo que eu queria para a minha marquise, mas era muito pesado e eu não tinha ajuda para o meter na carrinha e carregar 3 andares escadas acima :( espero que alguém o tenha levado e trate bem...
    Quanto ás cores, muitas :P eu gosto do contraste das cores com a verdura das plantas :)
    Beijos de Luz

    ResponderEliminar
  12. Ola querida simplismente demais este post esta incrivel , e o movel maravilhoso, acho que deveria manter o branco desgastado com cara de movel françes, adorei... beijinhos...

    ResponderEliminar
  13. Muito lindo o móvel, eu ultimamente tenho adorado todos os móveis que são antigos e cheios de histórias. Está para chegar aqui em casa uma poltrona que era da minha avó e que mandei reformar...
    Adoro passar por aqui e ler as coisas que você escreve, são cheias de doçura!!!!

    Abraços!!!!

    ResponderEliminar
  14. FLORZINHA!
    Adorei!! Vc é encantada...
    Te adoruuuu!
    Beijocas falantes.
    Cris

    ResponderEliminar
  15. Eu pintei umas mesinhas de branco e gostei tanto do resultado que sugiro a mesma cor pra pintar esse móvel.
    Renovar sempre!
    Beijos

    ResponderEliminar
  16. Hazel queriida , adoro suas histórias .... O móvel é muito charmoso !!! Acho que a cor que vc escolher , vai arrasar , porque tem personalidade !
    Bjuss*

    ResponderEliminar
  17. Eu voto no branco! Adoro móveis pintados de branco, é digamos...um clássico, não dá para cansar.

    Beijocas

    ResponderEliminar
  18. Ficou fofo tanto o armário, quanto a historia...parabéns pela criatividade.
    Beijokas

    ResponderEliminar
  19. Hazel ficou um encanto, gostei muito as cordinhas ficaram um charme unico! gostei! ...

    obrigado pela vistinha e pelas palavras, e que bom que gostou do selinho, abraços!

    ResponderEliminar
  20. uma boa ideia para recuperer os móveis velhos que tenho para levar para a casa nova :)

    bj
    teresa

    ResponderEliminar
  21. veja...
    ficaria lindo...pintar de azul...azul da cor do céu ....com alguns detalhes floridos ...ficaria lindo !!!!
    beijos

    ResponderEliminar
  22. hummmmm....
    lembra os armarios da minha vó !
    eram azuis....da cor do céu !!!!
    abraços

    ResponderEliminar
  23. ....queria um cd com suas musicas ...
    fazem bem a alma ..
    abraços

    ResponderEliminar
  24. Hazel querida, lindo o móvel falante, que o Sr Lixus deixou para você.
    Bem, como eu imagino que esse mõvel não ficará aí por muito tempo ( não sei porquê) eu pintaria ele de branquinho e cobriria a frente das gavetas com tecidinho rosa. Bem, por enquanto ele poderia ser branquinho, mas acho que se L. ganhar uma irmazinha, ela iria adorar ter esse móvel a guardar suas coisinhas de higiene e para trocar as fraldas.
    Ou então virar uma bela escrivaninha para os pequenos, com livros no compartimento das portinhas e papel e lápis de cera nas gavetinhas.
    Ai, viajei amiga....rsss.
    Mas não sei...gosto dele assim, com seu jeito "Susan Boyle" de ser...rsss.
    Beijos querida!

    ResponderEliminar
  25. Adorei o móvel !
    Fico admirando uns móveis encantadores que existem por aqui, no estilo do seu falante, usados nas oficinas mecânicas, tão sujinhos e maltratados, sendo muito úteis, é verdade. Dá vontade de levar para casa...
    Quanto a cor, é questão de gosto pessoal e certamente combinará bem com o ambiente.

    Beijo, senhorinha avelã.

    ResponderEliminar
  26. Oi denovo, agora que cheguei em casa pude ler com calma a postagem, ficou muito linda e criativa a historia :) abraços!

    ResponderEliminar
  27. Minha amiga querida! Seu espaço está cada vez mais mágico e inspirado.
    O móvel que fala merece outro post especial quando mudar de cor. Adorei conhecê-lo.

    bjossssssssssssssssss

    ResponderEliminar
  28. Eu diria azul claro e branco (azul no tampo e na estrutura, branco nas gavetas e nos paineis centrais das portas, que tal?) E ainda me atrevo a dar mais uma ideia, quando quiseres variar o visual dos puxadores... sabes fazer pompons? Pomponzinhos azuis ou multi-cores pregados aos nós de fora, era bem capaz de ficar giro ;)

    Bjs***

    Ariadne

    ResponderEliminar
  29. Olá Hazel!
    Adorei seu blog. Menina como vc é sortuda de encontrar esses tesouros no lixo! Acho que uma pátina provençal com pequenos ramos de flores pintadas nas gavetas ficaria lindo.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  30. olá
    aiai esse movel é lindo!!
    mais um tesouro do lixus:P
    pensei logo em azul mas asssim,para mim está perfeito...
    gosto cada vez mais de vir a esta casa,parabens e continua assim :)

    ResponderEliminar
  31. Hazel
    Vc faz a gente ver as coisas de uma forma super diferente...tão delicada e singela, dá valor às coisa mais simples que encontra...admiro demais esse seu modo de ser!
    Bjs!

    ResponderEliminar
  32. O Sr. Lixus é mesmo muito generoso contigo...
    Desde que te visito que dou por mim á procura destas maravilhas , comigo ele não tem sido generoso...mas quem sabe um dia...
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  33. tão lindo *-*
    eu também sou amigo do Sr. Lixus.
    Há pouco tempo, numa noite, estava uma moldura grandeee, um pouco estragada, mas como se estivesse nova (se é que me entendes :b) e a pintura dourada também estava um pouco gasta. Mas como homem de velharias que sou lá fui eu a correr até ao outro lado da estrada busca-la e cheguei a casa com a Lua a sorrir, eu a sorrir e a moldura a sorrir :D (e a minha mãe a reclamar xD)
    Agora vou-lhe dar uns retoques e...bem, ainda não pensei onde a vou meter, mas ou fica no meu quartinho ou no meu laboratório de ervas (a varanda).

    Beijinho :)

    ResponderEliminar
  34. Tão bom que é recuperar objectos, têm história e criam-se laços ao recuperá-los, quando os pintamos, lavamos, cuidamos, de certa forma colocamos as nossas intenções e energia neles, ficam mágicos!
    Bruno

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Obrigada pelo seu comentário ♥