Manual do Terapeuta New Age

segunda-feira, setembro 19, 2016


Se és terapeuta, não podes beber  imperiais, panachés, vinho carrascão e ainda menos shots.
Bebes sumos detox com folhas de couve, de cor verde-vómito. Ou leite de amêndoas.

Comes muito pouco. Essencialmente, alimentas-te de prana, quinoa, bagas goji, tofu e sementes de periquito. És vegan, intolerante à lactose, ao glúten, ao açúcar e a todos os que não comem o mesmo que tu.

Não cobras um preço pelo teu trabalho, mas pedes uma "troca de energia", que é opcional - porque vives de esmolas e não podes tocar em dinheiro. O que significa que pagas a renda de casa, água, electricidade e gás com amor. E o teu senhorio aceita, claro. Assim como a EDP, companhia do gás e da água. Eles compreendem.

Não usas anéis de ouro, mas um anel Atlante. Tens um candeeiro de sal dos Himalaias na tua sala, onde também existe um pano pendurado com uma mandala indiana.

Vives num estado de permanente felicidade, desapego e luz. Nunca te zangas. No caso de seres mulher, não tens TPM e não usas pensos higiénicos nem tampões, mas copos menstruais de cores fofinhas. E todos têm de saber. Achas que todos os devem usar, até os homens - eles que arranjem maneira de os enfiar em algum lado.

Não ouves Marilyn Manson, AC/DC ou Metallica. Ouves Enya, Snatam Kaur e cânticos tibetanos.
Não fazes headbanging. Fazes danças devocionais. E tens uma tatuagem do infinito no pulso, no tornozelo ou na parte de trás do pescoço.

Saúdas aquele outro terapeuta que assume trabalhar em troca de dinheiro com "Namasté", mas no fundo achas que ele é um filho-da-puta garganeiro.

Não podes ter relações sexuais sem que estas sejam uma experiência tântrica, sagrada, higiénica e profundamente religiosa com visões de deusas indianas de oito braços (que se multiplicam em milhões de possibilidades eróticas).

Um terapeuta new age não diz palavrões. Entoa mantras.
Não faz manguitos nem piretes. Faz mudras.
Não tem dores de cabeça. Tem os chakras bloqueados.
Não deseja mal a ninguém. Só invoca a lei do retorno tríplice e deseja "muita luz".
Não tem vida pessoal. Existe apenas para servir os outros.
São os teus mandamentos.

Conduzes um carro emprestado - porque não podes ter bens materiais - que tem um autocolante a dizer "Free Tibet" ou com o símbolo do OM.

Sabes sempre quando Mercúrio está em movimento retrógrado e culpa-lo pelas chatices que arranjas por seres um desbocado que fala mais do que deve.

Tens um nome espiritual diferente do nome civil. Como Shiva, Angel, Brunhild, Nefele, Rainbowsoul, Epona, Ronan, Odinsonn, Hazel, Shakti, Ariadne, Freya, Selene, Ísis, Innuit e outros.
Dizes que fazes "canalização", mas não sabes mudar a borracha de uma torneira que pinga.

Não passas uma tarde refastelado no sofá. Passa-la sentado em posição de lótus no zafu que compraste online a meditar sobre as origens do Universo e os seres interdimensionais.
Não vês filmes de acção. Vês documentários sobre como descalcificar a glândula pineal.

Ficaste danado comigo pela caricatura que fiz de ti (de nós), mas no fim acabas por ter de me perdoar. Porque um terapeuta new age perdoa sempre. Ahah!

OOOMMMM,

Hazel

PODERÁ TAMBÉM GOSTAR DE LER

30 COMENTÁRIOS

  1. Só faltou o... és apologista de uma sociedade sem dinheiro, mas vives refastelado à conta dos papás

    ResponderEliminar
  2. hahaha :D já tenho que alinhar mais um chakra ou lá o que for

    ResponderEliminar
  3. um terapêuta new age perdoa sempre xD verdade!! cromos de nós temos o "céu" garantido.. ahah

    ResponderEliminar
  4. Adorei!
    Vais ferir muitos trabalhadores de luz.
    É por isso que eu adoro a espiritualidade em Portugal, um bando de hipócritas que não têm coragem de se assumir em essência. Querem tanto parecer que se fodem por não conseguirem SER.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A intenção desta sátira não é ferir ninguém, mas fazer rir, derrubar muros e barreiras, libertar máscaras - com delicadeza, leveza e genuíno afecto. Como dizia Gil Vicente, "rindo se castigam os costumes". :)

      Eliminar
  5. Sentido de humor! A experiência mais transcendental a que nos podemos entregar! NamasLOL! :D

    ResponderEliminar
  6. Adiciono mais uma:
    Quando discutes com alguém animalescamente estás apenas a ser proteccionista para contigo próprio para não te roubarem o poder pessoal :p

    ResponderEliminar
  7. Muito bom! E viva a sátira saudável que este mundo tanto precisa :)

    ResponderEliminar
  8. Muito bom. Ah ah a um passo de ascencionar !!!!,kkkkkk

    ResponderEliminar
  9. Valente, estima Colega! Eis uma coragem deliciosa. Esse ar angélico quase me enganou. :D

    ResponderEliminar
  10. Fartei-me de rir ! Obrigada ;) Epona

    ResponderEliminar

Obrigada pelo seu comentário ♥