9 anos a escrever sem parar

segunda-feira, fevereiro 20, 2017

Tive outrora um vizinho, um senhor já com muita idade que morava numa casa estreita e espantosamente alta; parecia um ponto de exclamação ao fundo da rua. Ao longo da vida, foi sempre acrescentando e construindo, conforme as economias lho permitiam. A peculiaridade da sua casa surpreendia quem passava. Achava-se que ele era meio louco, porque podia parar, não precisava de continuar a esticar mais a casa, mas ele fazia-o quase como uma obsessão. Já não sabia viver de outra maneira.

Um dia, deixei de ouvir as batidas das ferramentas nas paredes. O silêncio instalou-se. O senhor construiu até ao último sopro de vida. A casa continua de pé, habitada pelo vento que se esgueira pelas frestas, os ecos das pancadas nas paredes e a hera que não pede licença para serpentear ao longo dos muros. Penso que o compreendo. Também não sei para que escrevo - senão dar sentido à minha existência.

Há nove anos, nasceu este blog. De alguma inexplicável forma, dá-me serenidade pensar que, por muitas voltas e reviravoltas que o mundo dê, uma parte de mim mora sempre aqui, nesta Casa Claridade, onde os alicerces e as paredes são feitos de frases, e os tijolos, que fui pacientemente colocando, um por um, são as palavras que escrevo.

Consultei as estatísticas há uns dias, e senti-me grata por saber que esta casa teimosa e exclamativa foi visitada mais de quatro milhões de vezes desde que nasceu. Agradeço-vos por terem a paciência de lerem o que escrevo e pela proximidade que se cria entre nós. Escuso-me por alguma vírgula mal colocada, como quem pede desculpas pela desarrumação às visitas.
Mas o sofá é confortável e o chá foi feito com amor.

Muitas graças a todos.

Hazel

PODERÁ TAMBÉM GOSTAR DE LER

6 COMENTÁRIOS

  1. Nove anos de escrita dá para dar a volta ao mundo várias vezes. :)

    Parabéns linda Hazel, pelo aniversário da Casa Claridade, pela persistência e pela imensa criatividade!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Olá Hazel!
    Parabéns pelo aniversário da Casa Claridade ;)
    Eu não passava por aqui desde o inicio do ano... e imagine a pontaria de vir espreitar hoje!
    Nestes 9 anos, não comento muito... mas adoro a sua/tua escrita, muitas vezes rio, outras sorrio ou tão só reflito ... Obrigado por existir! e ter o sofá e este chá sempre quente de aconchego para nós que estamos deste lado.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Mary! Que gratificante saber isso. Um beijo e há sempre um chá quente e doce à sua espera!

      Eliminar
  3. Este espaço é tão precioso que consigo sentir como se eu entrasse na tua casa, com os aromas bruxolescos e gatos, plantas e gnomos me dando boas vindas. Parabéns, continues sempre a nos brindar com teus deliciosos textos.

    ResponderEliminar

Obrigada pelo seu comentário ♥